25 de jul de 2012

Café à brasileira



Café à brasileira
Rua Uruguai, 310 - Centro Histórico - POA/RS
(trecho para pedestres com ligação na Rua da Praia)
(51) 3224.9512



- Café: 
- Acompanhamentos: 
- Atendimento: 
- Ambiente: 
- Localização: 
- Custo: 

= Nota média final: 3,4 / 5

Comentários:  "Após passar diversas vezes pela frente deste Café, certa noite adentrei no recinto; e foi como uma viagem para o passado. Ponto de encontro de velhos clientes, ou um ponto para comprar um simples café na correria do dia-a-dia do Centro de POA. Com um estilo clássico antigo, o 'Café à brasileira' iniciou suas atividades por 1989; nas paredes fotos e imagens da antiga Porto Alegre, das décadas de 30' e 40'. O café (bebida) me surpreendeu pela qualidade - o local utiliza blend Bom Jesus (dificilmente encontrado em espressos) de dois tipos: comum e gourmet. O atendimento é feito por algumas velhas senhoras - como uma lembrança viva do passado do Café; em um ambiente que remete à um passado, apenas quebrado pelos modernos equipamentos para moer os grãos."


Tomei um espresso comum (R$3,00) e um pão de queijo recheado com requeijão. Um pingado sai por R$3,00 e um espresso gourmet por R$3,50. (jun.2012)


PS.: Incomodou-me um pouco o fato de haver dois ambientes no Café (fumantes e não-fumantes); sendo a área para não-fumantes ao fundo do Café. O local é antigo, tradicional, clássico... porém os atuais padrões/ética/leis estranham-se com este formato. Mas este fato pode interessar aos ainda fumantes!

* fotos em breve.


Ambiente: clássico, antigo/retrô, área para fumantes.

Exibir mapa ampliado

Até mais,
Leonardo

---
POA Cafeterias:  café em Porto Alegre

Um comentário:

  1. Na última segunda-feira, cheguei as 18:55 no Café e fiquei até 19:10 aguardando atendimento. O Café não estava cheio. Os garçons passavam por mim a todo momento. Desisti de esperar e fui até o balcão dizer que estava indo embora sem consumir nada, pois tinha esperado 15 minutos sem ser atendido. A atendente, possivelmente uma das proprietárias me respondeu o seguinte, com ar de desdém: "Tá bom, obrigado"

    Trabalho com atendimento ao público e me preocupo em pelo menos ouvir o que o cliente tem a dizer. Não foi o tratamento que recebi neste estabelecimento.

    OBS: SOU FREQUENTADOR!!!

    ResponderExcluir